Home / Blog / Quero criar meu site! Com o que devo me preocupar?

Quero criar meu site! Com o que devo me preocupar?

Design sem nome

Quero criar meu site! Com o que devo me preocupar?

Por que devo ter um site? A resposta é simples. Quem tem um serviço a oferecer tem que estar onde o cliente está. A internet! Quando o cliente pesquisa por algum produto ou serviço no Google, ele deve aparecer na primeira página do Google. Você precisa aparecer como a resposta que o cliente procura. O Marketing Digital hoje é o que tem movido as estratégias de comunicação do mundo.

Quero criar meu site

Quando pensamos no desenvolvimento do site da nossa empresa, precisamos nos preocupar em identificar a demanda do nosso cliente. O que o cliente está procurando? A resposta para esta pergunta, precisa estar no SITE. Os buscadores, mais precisamente o Google, tem que  identificar no site a resposta e enviar o resultado para o cliente. Por isso, devo pensar: “Quero criar meu site! Com o que devo me preocupar?”

Site no computador, no celular e no tablet!

Sua empresa ou produto tem que estar disponível para que o cliente o encontre a qualquer momento. Estar disponível hoje é a garantia de ser lembrado sempre que for necessário. O cliente está no computador, no celular e no tablet. O portal precisa estar apresentável em qualquer destes dispositivos de comunicação. Esta característica se chama RESPONSIVIDADE, que significa a capacidade do SITE se adaptar, ou seja, se ajustar a cada tamanho de tela em que será acessado. Não deve parecer um site improvisado, com falha de adaptação, que exija esforço para entender o que está sendo exibido. O cliente, se não perceber algo interessante, vai embora!

O que o site exibe, mas que é descartável para o cliente:

  • História da empresa – pode até ter, mas não precisa estar no primeiro nível, é uma informação de apoio e não de atração;
  • Conteúdo que não demonstra conhecimento do cliente – sem expressar o que está sendo proposto, com aproximação de onde dói no cliente;
  • Forma de contato em imagem e não em link – facilitar a forma de contato é fundamental além de possibilitar a aproximação com o cliente. Se ele acessou e não converteu, é por que achou algo mais interessante e foi embora da página.

O site significa Segurança da Informação para o seu negócio. O site defende sua marca, seu produto e deve ser a resposta para o consumo do cliente!

A segurança da informação tem que se preocupar com incidentes ou falhas e também, como está sendo percebida a marca pelo cliente;

Quanto melhor a forma de expor seu produto, e isso implica também ser claro durante o atendimento, menor o risco de ter problemas de comunicação com o seu cliente final.

Se ao acessar seu site, o cliente não encontra o que deseja, significa que você não é a resposta que ele procura para os problemas. Ou ainda pior: a resposta que ele procura pode estar em seu site, mas escondida ou mal distribuída e assim, não é vista e nem atrai a atenção.

 O que aflige o cliente?

Saber o que aflige o cliente é conhecer e saber como ele se comporta para reclamar e buscar uma solução. Este tem que ser o primeiro ponto de contato, assim vai perceber que você entende o que ele diz, que sabe o que ele procura. Antes de mostrar o que pode fazer, saiba como o cliente quer que apresente esta solução para ele.

Se conhece o cliente, use o vocabulário que ele está acostumado, faça a aproximação sem assustá-lo. Faça uma abordagem direta para o contexto dele utilizando exemplos dentro da área de conhecimento dele. O primeiro passo disso é simples: adapte seu vocabulário. Use expressões que ele também utiliza no cotidiano empresarial.

Para qual PERGUNTA o meu SITE deve ser resposta?

Quando se conhece para quem se quer vender, é possível prever as dificuldades que estes clientes possuem. É o que chamamos de “dor”.

Se eventualmente a solução tiver concorrentes fortes, trabalhar com “Cauda Longa” seja uma resposta para uma pergunta mais específica e assim quebre a opção do concorrente que gasta mais dinheiro para se estabelecer em uma resposta mais generalizada.

*Cauda Longa é por exemplo, falar de Microsoft. Utilizando cauda longa seria falar de Microsoft na cidade; Microsoft para servidores; Microsoft para servidores de aplicação TotVs; Cauda longa é ter um complemento a expressão muito conhecida que vai personalizar um pouco mais e dar exclusividade a frase inteira.

Em resumo, o que o site deve ter como elementos primordiais?

1.       Qual o propósito? O que se pretende mostrar ao cliente para estabelecer uma aproximação?
2.       Facilite a comunicação
    1. Seja RESPONSIVO, seja o melhor em cada uma das telas disponíveis para o cliente. Adapte seu site;
    2. Apresente formas diferentes de comunicação com a sua equipe;
    3. Busque conhecer os melhores meios de contato com o seu cliente. Aquele que ele prefere: e-mail, telefone, whatsapp e etc;
    4. Link fácil de comunicação. Garanta que ao clicar no site, o telefone vai completar a ligação. Teste o número e veja se é um link de discagem. Lembre-se que a maioria está acessando pelo celular e pode querer falar;
    5. Crie opções de dicas úteis e funcionais, isto vai demonstrar capacidade de resolver, mesmo antes de ser contratado;
3.       Avalie estar ON LINE para atender os clientes que navegam no site
    1. Chat no Site (Saiba mais!)
    2. Portal de Atendimento Programado – Via Ticket para o Cliente (Saiba mais sobre Portal)
    3. Avalie outras funcionalidades que podem ser incluídas no site (5 APP que trazem valor na comunicação!)
4.       Crie conteúdo e promova o conhecimento através do site
    1. Faça um Blog ou site de Notícias
    2. Preocupe-se com Otimização para que o seu conteúdo seja percebido pelo Google e outros buscadores

Quero criar meu site

Gostou? Deixe seu comentário!

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *